Ultra Rádio

Paulo Câmara lamenta em nota proibição de visita à Lula

Logo após ser barrado junto a outros governadores de visitar o ex-presidente Lula na prisão, o governador Paulo Câmara se comunicou por meio de nota por via do seu partido PSB, lamentando o impedimento da visita. O partido também comunicou que as despesas do governador pernambucano foram custeadas pelo partido.

Confira a nota:

Nota
O governador Paulo Câmara, que também é vice-presidente nacional do PSB, viajou, na manhã desta terça-feira (10/04), para Curitiba, para visitar o ex-presidente Lula. Diante da negativa da Justiça em permitir acesso a Lula, na Polícia Federal, o governador comunicou à senadora Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT, que lamentava a impossibilidade da visita e transmitiu sua solidariedade ao ex-presidente Lula, conforme tornou público em nota divulgada na semana passada. Paulo esteve com a senadora durante encontro na residência do senador Roberto Requião, com os demais governadores do Nordeste. Os governadores também estiveram na Superintendência da PF em Curitiba, quando foram informados do indeferimento da solicitação da visita. Todas as despesas da viagem do governador Paulo Câmara foram custeadas pelo PSB Nacional.